Publicado em 28/05/2016 às 11h40.

Rodoviários podem deflagrar greve a partir de terça

A categoria decide na segunda, em assembleia, se decreta greve por tempo indeterminado a partir de terça-feira

Juliana Dias
Foto: Reprodução/ Facebook
Foto: Reprodução/ Facebook

 

Caso não haja acordo entre empresários e rodoviários na reunião que acontece na próxima segunda-feira (30), a população de Salvador pode se preparar para uma greve geral por tempo indeterminado da categoria, a partir das 0h de terça-feira (31). A informação é do presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Transportes Rodoviários no Estado da Bahia, Hélio Ferreira.

Em documento enviado, nesta sexta-feira (27), à Associação de Empresas de Transporte Coletivo Rodoviário do Estado da Bahia (AMBETRO), a categoria informa que a greve ocorrerá devido à intransigência patronal e foi decidida em assembleia geral realizada no último dia 19. O documento atende ao trâmite estabelecido por lei da antecipação do anúncio em 72 horas.

Em reunião realizada no último dia 24, os empresários rejeitaram a proposta do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE). A categoria propõe 11.33% de aumento no salário e no ticket alimentação, redução de contrapartida dos trabalhadores no ticket de 12% para 10% e unificação dos salários dos profissionais da manutenção, considerando o valor mais alto pago atualmente.

A contraproposta dos empresários será apresentada na segunda-feira, em duas reuniões agendadas no Ministério Público da Bahia e no MTE. Às 15h, os trabalhadores voltam a se reunir em assembleia para confirmar ou não a greve, com início marcado para a 0h de terça-feira.