Publicado em 08/03/2016 às 21h20.

Segundo envolvido em morte de técnico do Inema se apresenta

Rodrigo Cruz Machado, o Melequinha, de 23 anos, se apresentou sozinho e espontaneamente no Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP)

Redação
Foto: Reprodução Facebook
Foto: Reprodução Facebook

 

Ao ver suas fotografias, no final da manhã desta terça-feira (8), em alguns canais de TV, o assaltante Rodrigo Cruz Machado, o Melequinha, de 23 anos, envolvido no latrocínio do técnico do Inema Marceluan Dantas Magalhães, 50, se apresentou sozinho e espontaneamente no Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) e, logo em seguida, foi conduzido à 12ª Delegacia Territorial (DT/Itapuã).

Interrogado pelo delegado Antônio Carlos Magalhães Santos, titular da 12ª Delegacia Territorial (DT/Itapuã), Rodrigo confirmou ter atirado contra Marceluan, mas negou que tivesse fugido com a arma do crime, que, segundo ele, estaria com Tiago, outro envolvido preso nesta manhã.  O delegado já solicitou à Justiça um mandado de prisão preventiva para Rodrigo.

Rodrigo negou também ao delegado que a arma pertencesse a um homem de prenome Antony, como depôs Tiago e afirmou que o comparsa saberia indicar o local onde ela estaria escondida. Equipes da delegacia de Itapuã estão fazendo diligências para encontrar a arma. Rodrigo será indiciado por latrocínio.

Maceluan Dantas Magalhães morreu na ultima sexta-feira (4), durante tentativa de assalto na Rua da Ilha, em Itapuã. De acordo com a Centel, o crime ocorreu por volta das 21h30, na Rua do Futuro, perto da casa da vítima, que retornava do trabalho.

Este site armazena cookies para coletar informações e melhorar sua experiência de navegação. Gerencie seus cookies ou consulte nossa política.