Publicado em 18/04/2021 às 20h00.

Festa no mar com mais de 20 lanchas e show em deck flutuante é interrompida

Três proprietários de veículos foram autuados e um barco foi apreendido

Redação
Foto: divulgação/Polícia Militar
Foto: divulgação/Polícia Militar

 

Uma festa clandestina com 23 embarcações foi interrompida pela Polícia Militar e pela Capitania dos Portos na cidade de Governador Celso Ramos, na Grande Florianópolis, no sábado (17). Um decreto do governo de Santa Catarina impede a realização de eventos e aglomeração como forma de frear os avanços do novo coronavírus.

O evento, que contava até com um show ao vivo em um deck flutuante, foi denunciado por perturbação do sossego e descumprimento do decreto relacionado à pandemia. Entre as 23 embarcações que haviam sido levadas para o evento, incluindo o deck, estavam 15 lanchas que foram encostadas umas nas outras, o que é proibido pelo Estado.

De acordo com a polícia, três proprietários de veículos foram autuados. Além disso, um barco que apresentava irregularidades com a segurança aquaviária foi apreendido. O responsável pelo evento vai responder a um termo circunstanciado por perturbação do sossego e por infringir determinação do poder público destinada a impedir introdução ou propagação de doença contagiosa.

Este site armazena cookies para coletar informações e melhorar sua experiência de navegação. Gerencie seus cookies ou consulte nossa política.