Publicado em 13/02/2020 às 19h20.

‘Somos continuadores da alegria’, afirma Armandinho

Artista se apresenta dois dias no circuito Dodô (Barra)

Estela Marques / Tailane Muniz
Foto: Estela Marques/Bahia.ba
Foto: Estela Marques/Bahia.ba

Nascido em berços carnavalescos, o cantor Armandinho avalia que ele e os Irmãos Macedo são “continuadores da alegria” na folia baiana – que teve início na década de 50, quando Dodô e Osmar decidiram sair pelas ruas de Salvador para tocar músicas em uma fobica, o trio elétrico dos dias atuais.

Armandinho, que se apresentou junto com os Irmãos Macêdo na cerimônia de apresentação das atrações do governo para o Carnaval 2020, nesta quinta-feira (13), no Teatro Castro Alves, disse ainda que é uma “satisfação” poder se apresentar no evento.

“Somos continuadores da alegria do nosso velho Osmar e do nosso velho Dodô, eles que inventaram essa carruagem que faz a festa. Nós quatro [irmãos] carregamos a alegria do meu pai. Eles nos chamavam de filhos da alegria”, lembra.

O artista também salientou que o Carnaval movimenta a cidade em diferentes aspectos. “Tem tanta gente trabalhando, desenvolvendo arte, música, e é uma felicidade ver comemorar nossa festa, a festa do trio elétrico, que é de todos”.

Este ano, o artista se apresenta com o trio Armandinho, Dodô e Osmar no circuito Dodô, na Barra, na segunda (24) e terça-feira (25).