Publicado em 26/02/2019 às 14h15.

Acionistas da Embraer aprovam fusão com a Boeing

O quórum mínimo para a realização da assembleia era de 25% dos acionistas e pouco mais de 40 pessoas estiveram presentes

Redação
Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

 

Em assembleia realizada nesta terça-feira (26), os acionistas da Embraer aprovaram, com 96,8% dos votos válidos, a fusão com a Boeing para a criação de uma nova empresa de aviação na área comercial, informa O Globo.

O percentual de votos válidos corresponde a 67% dos acionistas da Embraer que votaram na assembleia ou à distância.

O quórum mínimo para a realização da assembleia era de 25% dos acionistas e pouco mais de 40 pessoas estiveram presentes.

A assembleia chegou a ser suspensa por liminar na última sexta-feira (22), mas o Tribunal Regional Federal da 3ª Região revogou a decisão no fim da noite desta segunda-feira (25). Na abertura da Bolsa, as ações da fabricante brasileira de aviões subiam 1,7%.

PUBLICIDADE