Publicado em 21/05/2019 às 07h39.

Lenda da Fórmula 1, Niki Lauda morre aos 70 anos

Austríaco foi o único campeão mundial pela Ferrari e McLaren

Redação
niki lauda foto reproducao youtube
Foto: Reprodução / YouTube

 

Lenda da Fórmula 1, o austríaco Niki Lauda morreu na segunda-feira (20), aos 70 anos, em Viena. O ex-piloto fazia hemodiálise há oito meses, após um transplante de pulmão, e teve uma forte gripe no começo do ano, informa O Globo.

Lauda foi campeão mundial em 1975, 1977 e 1984 – as duas primeiras pela Ferrari e a última, pela McLaren. O ex-piloto foi, inclusive, o único a conseguir o feito pelas duas equipes.

Em 1976, Lauda sofreu um acidente que lhe desfigurou o rosto, em Nurburgring, na Alemanha, quando ficou preso às ferragens e seu carro pegou fogo.

“Com profunda tristeza, anunciamos que nosso amado Niki morreu pacificamente com sua família na segunda-feira, 20 de maio de 2019. Suas realizações únicas como atleta e empreendedor são e permanecerão inesquecíveis; seu incansável entusiasmo pela ação, sua franqueza e sua coragem permanecem um modelo e uma referência para todos nós. Era um marido amoroso e atencioso, pai e avô longe do público, que sentirá sua falta”, diz e-mail assinado pela família de Lauda.

Nas redes sociais, a McLaren se manifestou: “Todos na McLaren estão profundamente tristes ao saber que nosso amigo, colega e campeão mundial de Fórmula 1 de 1984, Niki Lauda, faleceu. Niki estará para sempre em nossos corações e consagrado em nossa história”

PUBLICIDADE