Publicado em 15/09/2019 às 11h30.

Neymar lamenta vaias de torcida do PSG: ‘Será como jogar todo jogo fora de casa’

Brasileiro admitiu que queria deixar o time francês nesta temporada

Redação
Foto: Reprodução / SporTV
Foto: Reprodução / SporTV

 

Vaiado no jogo do PSG deste sábado (14), quando marcou um bonito gol e garantiu a vitória por 1 a 0 contra o Strasbourg, Neymar fez um desabafo sobre a sua situação no clube.

Ele disse que já passou por situações assim antes e que a sensação a partir de agora será a de jogar toda partida como se estivesse fora de casa.

“Já joguei em vários estádios sendo vaiado. É triste, mas sei que a partir de agora será como jogar todo jogo fora de casa”, disse o brasileiro.

Neymar ainda admitiu pela primeira vez publicamente que queria deixar o time francês.

“Deixo claro que não tenho nada contra os torcedores, nem nada contra a entidade Paris Saint-Germain, mas todo mundo sabe que eu queria sair sim, e deixei claro isso. Mas não vou entrar em detalhes do que aconteceu nas negociações. As pessoas presentes aqui sabem o que aconteceu e isso é uma página virada. Hoje sou jogador do PSG e prometo dar tudo em campo, cumprir o meu papel e ser feliz dentro de campo. Não preciso que gritem meu nome e nem que estejam ali por mim. E sim pelo PSG”, falou.

Por fim, o jogador confirmou que seu destino seria o Barcelona e pontuou que não falará mais sobre o assunto.

“Teve alguns motivos, principalmente pessoais (para deixar o PSG). Deixo bem claro que não foi nada contra o PSG e nem torcedores. Mas quando você não se sente bem em um trabalho, você procura outro. Não pelas pessoas que têm nele, e que você está servindo, e sim por motivos pessoais. Tive os meus, e quis sair. Deixei bem claro para todo mundo e fiz o possível, mas infelizmente não deixaram. Mas isso é uma página virada. Primeira vez que estou falando sobre isso, e será a última. A partir de agora minha cabeça está toda voltada para o Paris”, concluiu.

PUBLICIDADE