Publicado em 10/06/2024 às 18h01.

Conselho de Segurança da ONU aprova proposta de cessar-fogo em Gaza

Proposta de cessar-fogo em Gaza, apresentada pelos Estados Unidos, foi aprovada por 14 votos a favor, zero contra e uma abstenção da Rússia

Redação
Foto: Reprodução/Agência Brasil

 

O Conselho de Segurança da Organização das Nações Unidas (ONU) aprovou, nesta segunda-feira (10), uma proposta de cessar-fogo na guerra entre Israel e Hamas, que recentemente completou oito meses. Apresentado pelos Estados Unidos, o texto foi aprovado por 14 países do órgão – entre membros fixos e rotativos -, zero contra e uma abstenção, da Rússia. A informação é de uma matéria do Metrópoles.

O Metrópoles aponta que na primeira fase do plano, o documento prevê um cessar-fogo de seis semanas, o recuo de ofensiva israelense em áreas da Faixa de Gaza, além da libertação de reféns sequestrados pelo Hamas e de prisioneiros palestinos detidos por Israel. Anteriormente, o presidente Joe Biden afirmou que a proposta e os termos do acordo partiram do governo israelense. Durante a sessão desta segunda, a embaixadora dos EUA na ONU, Linda Thomas-Greenfield, instou o Hamas a aceitar a resolução.

Ainda segundo o Metrópoles, apesar da aprovação, isso não significa que os termos propostos pelo documento serão adotados por Israel e Hamas. Os dois lados envolvidos no conflito ainda não se pronunciaram sobre a resolução. Em março deste ano, o Conselho de Segurança da ONU aprovou um cessar-fogo imediato em Gaza durante o Ramadã, o mês sagrado para muçulmanos. A guerra, no entanto, continuou.

Mais notícias

Este site armazena cookies para coletar informações e melhorar sua experiência de navegação. Gerencie seus cookies ou consulte nossa política.