Publicado em 08/07/2022 às 07h51.

Ex-premiê do Japão, Shinzo Abe morre após ser baleado durante discurso

Atirador usou arma de fabricação caseira para efetuar os disparos

Redação
Foto: Beto Barata/Pr
Foto: Beto Barata/Pr

 

O ex-premiê japonês Shinzo Abe (67) morreu, na noite desta quinta-feira (7), após ser baleado enquanto discursava em campanha eleitoral na cidade de Nara, no Japão. Segundo a imprensa local, ele chegou a ser levado inconsciente a um hospital, mas não resistiu.

Um homem de aproximadamente 40 anos, suspeito do crime, foi detido com uma arma de fabricação caseira. Informações preliminares dão conta de que Abe teria sido atacado por trás, por volta das 11h30 no horário do Japão (23h30 em Brasília). Ao menos dois tiros foram ouvidos por testemunhas.

De acordo com a TV NHK, o autor dos disparos disse à polícia que estava descontente com o ex-premiê. “Qualquer que seja o motivo, um ato bárbaro como este não pode ser tolerado e nós condenamos com firmeza”, disse o secretário-chefe do gabinete japonês, Hirokazu Matsuno. O governo, por sua vez, anunciou a criação de um grupo para apurar o crime.

Este site armazena cookies para coletar informações e melhorar sua experiência de navegação. Gerencie seus cookies ou consulte nossa política.