Publicado em 21/01/2021 às 20h40.

Facebook mantém bloqueio de contas de Trump até decisão final de comitê

Bloqueio ocorreu em 7 de janeiro, um dia após a invasão do Capitólio por extremistas trumpistas; não há prazo para grupo decidir sobre questão

Redação
Foto: Tia Dufour/Fotos Públicas
Foto: Tia Dufour/Fotos Públicas

 

O Facebook anunciou que o Comitê de Supervisão da empresa avaliará se será mantida ou não a suspensão da conta de Donald Trump. No entanto, ainda não há prazo para que a decisão seja tomada. Por enquanto, os perfis do ex-presidente dos Estados Unidos no Instagram e no Facebook continuam bloqueados.

As contas de Trump foram bloqueadas em 7 de janeiro, um dia após a invasão do Capitólio por extremistas trumpistas. Cinco pessoas morreram na ação. A restrição das contas, segundo o Facebook, era contribuir para uma transição presidencial pacífica.

Trump perdeu as eleições presidenciais para o democrata Joe Biden, que assumiu o comando do país na quarta-feira (20), junto com a vice-presidente eleita, Kamala Harris.

“Além da determinação do conselho em manter ou reverter a suspensão, o Facebook acolherá quaisquer observações ou recomendações do conselho sobre suspensões quando o usuário for um líder político”, disse a empresa.

De acordo com informações do G1, o Comitê de Supervisão do Facebook é formado por 40 pessoas, de todos os continentes e de profissões diversas – entre as quais ex-juízes, advogados, jornalistas e ativistas de direitos humanos. Pelo estatuto da empresa, as decisões do comitê são finais, ou seja, a empresa é obrigada a acatar o que for decidido.