Publicado em 06/05/2020 às 20h40.

Governo Trump quer permitir a aliados extração mineral na lua

Os 'Acordos Artemis' são organizados pela NASA e inclui também a criação de zonas de segurança para cercar bases na Lua

Redação
Foto: Joel Kowsky/ NASA/ Fotos Públicas
Foto: Joel Kowsky/ NASA/ Fotos Públicas

 

O governo do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, prepara um tratado para permitir a aliados atividades de extração mineral na Lua. A informação é da agência Reuters.

Os ‘Acordos Artemis’ seriam um esforço para reunir aliados em torno do plano da Nasa para o satélite natural da Terra na próxima década: levar seres humanos e estações espaciais à Lua na próxima década. O projeto propõe “zonas de segurança” que cercariam futuras bases na Lua, para evitar danos ou interferência de países ou empresas rivais que operem nas proximidades.

O projeto ainda não foi formalmente compartilhado com os aliados do país americano. A Casa Branca não negou o teor da reportagem, de acordo com a Folha de S.Paulo.

O potencial econômico da Lua chama a atenção, devido à identificação de água subterrânea, hélio-3 e diferentes metais raros em seu subsolo. A água é imprescindível para a manutenção de trabalhadores e para produção de combustível de foguetes; o hélio-3 poderia ser gaseificado e trazido para a Terra, onde seria usado na indústria de energia; e os metais raros, como o escândio, presidente nos aparelhos eletrônicos, têm 90% de sua reserva – que deve durar apenas nos próximos 20 anos – na China.

PUBLICIDADE