Publicado em 25/01/2021 às 06h49.

Alcolumbre cede e oferece ao MDB candidatura à vice-presidência do Senado

Estratégia visa tentar frear o partido e forçar desistência da candidatura de Simone Tebet (MS)

Redação
Foto: Geraldo Magela/Agência Senado
Foto: Geraldo Magela/Agência Senado

 

Em uma tentativa de frear o MDB e forçar a desistência da candidatura de Simone Tebet (MS) à presidência do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP) decidiu ceder e oferecer aos emedebistas a candidatura à vice-presidência da Casa.

Segundo informações da coluna Painel, da Folha de S.Paulo, Alcolumbre mudou de ideia após conversa com aliados de Rodrigo Pacheco (DEM-MG), adversário de Tebet.

O atual presidente do Senado teria dito que queria ser o número 2 do Senado, mas aceitou recuar para frear o MDB. A expectativa é que o senador Vital do Rêgo (MDB-PB) seja indicado a vice de Pacheco.