Publicado em 15/07/2019 às 20h00.

Almir Melo nega frustração com reunião e diz que rito da CMS deve ser respeitado

Presidente da Arsal estará novamente na Câmara Municipal na quarta-feira (17)

Breno Cunha
Foto: Luis Filipe Veloso/Bahia.ba
Foto: Luis Filipe Veloso/Bahia.ba

 

O presidente da Arsal (Agência Reguladora e Fiscalizadora dos Serviços Públicos de Salvador), Almir Melo, negou qualquer frustração por causa da prorrogação da reunião com os vereadores.

Ele estará novamente na Câmara Municipal na quarta-feira (17), quando os edis terão acesso às planilhas de custos das empresas de ônibus.

“Foi prorrogada a reunião. Os vereadores terão acesso à planilha na quarta-feira, será uma coisa mais maturada. Não tem frustração nenhuma, isso faz parte do rito da Casa, a Prefeitura respeita isso”, falou.

Almir destacou que seu papel é “esclarecer todas as dúvidas que os vereadores tiverem” e mostrou confiança na aprovação da isenção do ISS para as empresas de ônibus.

“Não existe temor, da minha parte nem da Prefeitura existe temor. O que existe é a gente cumprir o rito”, pontuou.

PUBLICIDADE
Temas: almir melo