Publicado em 05/04/2018 às 06h51.

Após decisão do STF, Lula admite a aliados que está fora das eleições

Supremo Tribunal Federal rejeitou, nesta quarta-feira (4), o habeas corpus do ex-presidente, que pediu para não ser preso até o julgamento dos recursos nos tribunais superiores

Redação
Foto: Mateus Soares/ bahia.ba
Foto: Mateus Soares/ bahia.ba

 

Depois de o Supremo Tribunal Federal (STF) rejeitar o habeas corpus do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), o petista teria admitido a aliados que está fora das eleições deste ano, segundo o jornal Estado de S. Paulo.

De acordo com a publicação, o ex-presidente comentou, resignado, com um grupo restrito de pessoas: “Não iam dar o golpe para me deixarem ser candidato”.

A frase foi interpretada por dirigentes e lideranças petistas como uma admissão de que está fora da disputa eleitoral, embora o PT publicamente insista em manter o discurso sobre a manutenção da candidatura à Presidência, mesmo que o ex-presidente vá para a cadeia.

Este site armazena cookies para coletar informações e melhorar sua experiência de navegação. Gerencie seus cookies ou consulte nossa política.