Publicado em 13/08/2019 às 09h38.

Dois projetos travam pauta da Alba; contas de Rui ainda não podem ser votadas

Segundo líder da oposição na Casa, Targino Machado, o trabalho na Alba "melhorou": "Tomaram vergonha na cara"

Matheus Morais
Foto: Breno Cunha/bahia.ba
Foto: Breno Cunha/bahia.ba

 

O líder da oposição na Assembleia Legislativa da Bahia, Targino Machado (DEM), disse ao bahia.ba na manhã desta terça-feira (13) que as contas do governador Rui Costa (PT) ainda não serão analisadas pela Casa, já que duas matérias estão travando a pauta.

“Ainda não poderemos fazer isso, já que há esses dois projetos. Então, se eles não forem votados, nada poderá acontecer em termos de votação. Contudo, vejo um avanço. Estamos trabalhando mais. Parece que a Casa tomou vergonha na cara”, afirmou.

As contas em questão são referentes aos anos de 2015, 2016, 2017, 2018.

“Fico profundamente chateado quando vejo a mídia atacar o Poder Legislativo. Trabalhamos muito aqui neste primeiro semestre, mas precisamos fazer mais. O que me chateia é toda hora ser procurado pela imprensa da Bahia, sendo cobrado pelas contas do governo do Estado. As quatros contas foram analisadas pelo TCE, analisadas e votadas, sempre com ressalvas. A maioria dessas contas está cochilando na comissão de Finanças da Casa. Vejo o esforço do presidente da comissão, Robinho, mas não é suficiente”, destacou recentemente o democrata.

PUBLICIDADE