Publicado em 08/11/2019 às 10h49.

Líder do governo: Congresso aprovará medidas econômicas até de 2020

Contudo, senador reconheceu que há possibilidade de o Congresso modificar parte das medidas

Redação
Foto: Geraldo Magela/Agência Senado
Foto: Geraldo Magela/Agência Senado

 

O líder do governo no Senado, Fernando Bezerra Coelho (MDB-PE), diz acreditar que o Congresso Nacional aprovará até junho de 2020 o conjunto de medidas econômicas entregue nesta semana pelo presidente Jair Bolsonaro.

Segundo o governo, são ações que podem melhorar as contas do governo, dos estados e dos municípios, simplificar procedimentos e estimular o crescimento da economia. Para o senador, se as medidas não forem aprovadas, não haverá mais espaço para investimentos.

“O Congresso Nacional surpreendeu entregando a maior reforma da Previdência da história do Brasil, e eu acredito que vai surpreender de novo aprovando até junho do próximo ano esse conjunto de medidas, que criará as condições de o Brasil deslanchar”, afirmou Bezerra em entrevista ao programa GloboNews Política.

Contudo, o senador reconheceu que há possibilidade de o Congresso modificar parte das medidas.

“Primeiro, é preciso deixar claro que o Congresso tem a iniciativa de destacar, de aprimorar, de modificar. O importante é destacar que o conjunto das medidas aponta no caminho certo. Essa é a mais importante reforma do Estado brasileiro, a mais importante reforma econômica do Brasil desde 1988. Eu não tenho dívida da aprovação”, acrescentou.

PUBLICIDADE

Mais notícias