Publicado em 25/01/2021 às 21h00.

Sessão de eleição da Mesa Diretora do Senado começa às 14h do dia 1º de fevereiro

Quem se eleger presidente da Casa vai também encabeçar a mesa diretora do Congresso Nacional pelo período 2021-22

Redação
Foto: Marcelo Casal Jr/Agência Brasil
Foto: Marcelo Casal Jr/Agência Brasil

 

A sessão que definirá a nova Mesa Diretora do Senado será iniciada às 14hs do dia 1º de fevereiro, conforme programação definida pelo atual presidente, Davi Alcolumbre (DEM-AP). Inicialmente, haverá uma reunião preparatória, aberta com ao menos 14 parlamentares em plenário. As votações só começam com um quorum de 41 senadores. A presidência da Casa é disputada por quatro candidaturas. Quem vencer também encabeçará no biênio 2021/2022 a mesa diretora do Congresso Nacional, que pauta as sessões que exigem reunião bicameral.

Entre os favoritos estão Rodrigo Pacheco (DEM-MG) – apoiado por Alcolumbre e pelo Palácio do Planalto – e Simone Tebet (MDB-MS), filha do ex-presidente do legislativo Ramez Tebet. Major Olimpio (PSL-SP) e Jorge Kajuru (Cidadania-GO) correm por fora.

A sessão será toda presencial, assim como no pleito da Câmara. “A Casa está preparada com todas as medidas de segurança contra a covid-19”, declarou atual presidente.Com base no Regimento Interno da Casa, Alcolumbre determinou a votação em cédulas.