Publicado em 30/03/2020 às 08h53.

‘Estamos sendo enganados’, diz médica que atuou em campanha de Bolsonaro sobre Covid-19

Ana Escobar participou da primeira ação do governo, denominada ”Juntos somos mais fortes”, que falava sobre enfrentamento da pandemia

Redação
Imagem: Reprodução/TV Brasil
Imagem: Reprodução/TV Brasil

 

Uma médica que atuou como garota-propaganda em uma campanha lançada pelo governo há duas semanas sobre o novo coronavírus diz ser contra a nova linha defendida pelo presidente Jair Bolsonaro (sem partido), de ignorar a importância da quarentena

Segundo a coluna Painel, do jornal Folha de S. Paulo, Ana Escobar participou da primeira ação do Planalto, denominada ”Juntos somos mais fortes”, que passava instruções para lavar as mãos e falava em combater as fake news para enfrentar a pandemia.

“Não me sinto enganada. Sinto que todos estamos sendo enganados por um presidente que não dá valor à vida”, diz a médica sobre o mote defendido agora por Bolsonaro, cujo slogan é “O Brasil não pode parar”.