Publicado em 13/03/2019 às 09h36.

Idosa morre após ser picada por centenas de abelhas no Barbalho

Igna Santos ficou internada até o último domingo (10); moradores do bairro dizem que ataque de insetos começou depois de uma obra da empresa Atakarejo

Redação
Foto: Carol Garcia/ GOVBA
Foto: Carol Garcia/ GOVBA

 

Uma idosa morreu dois dias depois de ser picada por centenas de abelhas no bairro do Barbalho, em Salvador, na última sexta-feira (9). A aposentada Igna Santos, 74 anos, estava no quintal de casa quando sofreu os ataques.

De acordo com o jornal Correio*, Igna ficou internada no Hospital Ernesto Simões até o último domingo (10).

Ainda segundo o jornal, moradores do Barbalho disseram que o ataque de abelhas começou depois que trabalhadores de uma obra da empresa Atacadão Atakarejo atingiram uma colmeia.

No mesmo dia em que dona Igna foi atacada, os insetos invadiram cinco casas na Rua Ibirapuera, localizada no mesmo bairro,  e outros moradores foram ferroados.

O Atakarejo informou, por meio de nota, que “estava ciente de que a região tinha uma grande incidência de abelhas”, mas que “o fato ocorrido não tem nenhuma interferência direta com a empresa”. “O Atakarejo lamenta bastante o incidente e ressalta ainda que este não aconteceu dentro do local onde está sendo realizada a obra”, afirmou a nota da empresa.

PUBLICIDADE