Publicado em 21/03/2017 às 20h00.

Brasil fica estagnado na posição 79 do IDH pela primeira vez

A queda do índice foi registrada sobretudo em países que enfrentam condições adversas, como a Síria, mas, no restante dos casos, houve melhora

Redação
Foto: Fábio Pozzebom/Agência Brasil
Foto: Fábio Pozzebom/Agência Brasil

 

A posição do  Brasil no Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) ficou estagnada pela primeira vez na história. Um relatório das Nações Unidas (ONU) divulgado nesta terça-feira (21) revela que o país alcançou o indicador de 0,754, de uma escala de 0 a 1 – o mesmo que no ano anterior – , o que garante sua permanência na 79ª posição no ranking.

A Noruega, primeira da lista, alcançou o IDH de 0,949. Já a pior colocação foi a da República Centro-Africana, com 0,352.

A queda de IDH foi registrada sobretudo em países que enfrentaram condições adversas, como a Síria, mas, no restante dos casos, houve melhora.