Publicado em 16/07/2019 às 14h07.

Eclipse lunar poderá ser visto de todo o país nesta terça-feira (16)

Fenômeno estará visível no fim da tarde, assim que a Lua aparecer, por volta das 17h30; o ápice será às 18h30 e o final por volta das 20h

Redação
Foto: Marcello Casal Jr/Agência Brasil
Foto: Marcello Casal Jr/Agência Brasil

 

Os brasileiros de qualquer canto do país terão a chance de acompanhar um eclipse lunar parcial nesta terça-feira (16), duas semanas depois do único eclipse solar de 2019. Eventos como estes acontecendo em pequenos intervalos de tempo são raros.

O fenômeno estará visível no fim da tarde, assim que a Lua aparecer, por volta das 17h30 (de Brasília). O ápice será às 18h30 e o final por volta das 20h. De acordo com matéria publicada pelo portal UOL, a extensão deste eclipse será tão grande que os únicos lugares que não conseguirão vê-lo são a América do Norte e a Sibéria.

No eclipse parcial, como o desta terça, o alinhamento entre o Sol, a Terra e a Lua não é simétrico, o que significa que apenas uma parte da Lua será encoberta. No caso de um eclipse total, a Lua fica totalmente escondida graças ao alinhamento perfeito entre as três partes. 

Em janeiro, o Brasil pôde observar um eclipse lunar total. Mas o próximo deste tipo, com boa visualização dos brasileiros, só acontecerá no final de 2021. 

PUBLICIDADE