Publicado em 15/01/2021 às 21h40.

Bolsonaro diz que seria ‘irresponsabilidade’ obrigar população a se vacinar

Apesar da declaração, presidente pontuou que não estava fazendo 'campanha contra'

Redação
Foto: Marcelo Casal Jr/Agência Brasil
Foto: Marcelo Casal Jr/Agência Brasil

 

Para o presidente Jair Bolsonaro, seria uma “irresponsabilidade” determinar a obrigatoriedade da vacinação contra a Covid-19 no Brasil porque o imunizante ainda é “experimental”. Em conversa com apoiadores no Palácio da Alvorada, nesta sexta-feira (15), ele pontuou que não estava fazendo “campanha contra”.

O mesmo assunto foi abordado pelo presidente durante live semanal que ele realiza toda quinta (14). Ao lado do ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, Bolsonaro afirmou que a vacinação será gratuita e voluntária.

“Se você não quer tomar, não tome, é um direito teu. Afinal de contas, é algo emergencial, não temos comprovação. Se fosse um remédio que não fizesse mal, comprovadamente não tivesse efeito colateral, nem assim eu, como Presidente da República, ia obrigar a tomar aquele medicamento. Quem dirá algo emergencial, que não foi devidamente comprovado”, afirmou.

Este site armazena cookies para coletar informações e melhorar sua experiência de navegação. Gerencie seus cookies ou consulte nossa política.