Publicado em 05/04/2020 às 10h00.

Governo tira dinheiro de outras áreas da Saúde para enfrentar pandemia, diz coluna

Liberação de novo aporte para o combate ao coronavírus ocorreu somente na última quinta

Redação
Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil
Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

A liberação de dinheiro novo à Saúde para o coronavírus ocorreu somente na última quinta (2), diz a coluna Painel, do jornal Folha de S. Paulo. Segundo a publicação, o recurso inicial, os R$ 4,8 bilhões anunciados por Paulo Guedes (Economia), teve origem em remanejamento de emendas parlamentares de outras áreas do ministério.

De um total de R$ 16,2 bilhões que foram destinados até agora à pasta ao enfrentamento da doença, R$ 9,4 bilhões são extras, que não estavam em nenhum outro ministério. Outros R$ 5,6 bilhões colocados para o coronavírus eram da própria pasta, mas estavam indo para outras áreas.

Somado todo o dinheiro que chegou ao ministério, o Poder Executivo proveu R$ 9,4 bilhões, e o Legislativo, por meio da cessão de emendas, R$ 6,8 bilhões.



Este site armazena cookies para coletar informações e melhorar sua experiência de navegação. Gerencie seus cookies ou consulte nossa política.