Publicado em 23/04/2020 às 08h32.

Isidório defende adiamento das eleições para o mês de dezembro

Ao bahia.ba, pré-candidato a prefeito de Salvador disse que prefere a "vida humana" do que a política

Matheus Morais
Foto: Luis Macedo/Câmara dos Deputados
Foto: Luis Macedo/Câmara dos Deputados

 

O pré-candidato a prefeito de Salvador pelo Avante, deputado federal Pastor Sargento Isidório, defende o adiamento das eleições municipais de outubro para o mês de dezembro, devido ao surto de coronavírus no mundo. Ao bahia.ba, ele disse que entre a política e a vida humana irá sempre escolher a “vida das pessoas”.

Ele argumentou que lidera as pesquisas de intenção de votos e que não precisaria propor o adiamento. “Poderia ficar calado, mas defendo que só aconteça em dezembro. A vida em primeiro lugar”.

“Acho que precisamos ouvir as pessoas. Vivemos uma pandemia no mundo todo e eu defendo que a eleição seja feita no mês de dezembro, quando isso tudo deverá ter passado ou se acalmado. Estou, até onde eu sei, na frente das pesquisas e não precisaria defender o adiamento da eleição, mas eu prefiro prezar pela vida das pessoas. A vida é sempre mais importante do que a política. O mundo não será o mesmo depois do coronavírus. A cabeça das pessoas também não, o psicológico delas. Vamos cuidar de combater o coronavírus e depois tratamos de eleição”, ressaltou.



Este site armazena cookies para coletar informações e melhorar sua experiência de navegação. Gerencie seus cookies ou consulte nossa política.