Publicado em 21/05/2020 às 14h20.

Mortes no trânsito de Salvador caem 33% durante quarentena

Entre março e abril, 20 pessoas perderam a vida em acidentes nas vias da capital; em 2019, foram 30 óbitos em igual período

Alexandre Santos
Foto: Transalvador
Foto: Transalvador

 

As medidas de quarentena adotadas contra o avanço do novo coronavírus refletiram uma queda de 33,3 % no número de mortes no trânsito de Salvador em março e abril, em comparação com o total de óbitos registrados no mesmo período de 2019.

Nos últimos dois meses, 20 pessoas perderam a vida em acidentes nas vias da capital, dez a menos do que no ano passado.

Já o somatório de infrações em igual período caiu 7,2 % de um ano para o outro: foram 91.047 notificações em 2019, ante 84.484 em 2020.

Os dados são da Transalvador e foram levantados a pedido do bahia.ba.

Apesar de as ações restritivas impostas pelo prefeito ACM Neto (DEM) terem sido oficializadas somente em 17 de março, o balanço inclui todas as ocorrências contabilizadas desde o início daquele mês (veja os números abaixo).

Após a publicação dos decretos de quarentena, a Transalvador também verificou uma queda expressiva no volume de automóveis nas ruas.

No dia 11 de março, por exemplo, quando as medidas restritivas ainda não vigoravam, 443.335 mil veículos passaram pela avenida Paralela, a maior e uma das mais movimentadas vias da cidade.

No dia 25, esse fluxo caiu para 269.404 veículos na mesma avenida, uma redução de aproximadamente 40%.

Explosão nos bairros

Embora os dados apontem para uma queda significativa no quadro geral, algumas regiões da cidade entraram no radar da Transalvador por registrarem um aumento expressivo na circulação de veículos e o consequente avanço na pandemia de Covid-19.

É o caso do bairro de Plataforma, cujo volume de tráfego saltou de 61% para 81% entre abril e o início de maio.

Na orla, o crescimento foi de 50% para 80%.

Diante da explosão em seu fluxo viário, as duas regiões estão entre os bairros que recentemente passaram a ser alvo de medidas restritivas mais duras.

 

TRÂNSITO DA CAPITAL EM NÚMEROS

Mortes em março de 2019
17

Mortes em março de 2020
10

Mortes em abril de 2019
13

Mortes em abril de 2020
10

Total de mortes nos dois meses em 2019
30

Total de mortes nos dois meses em 2020
20

Infrações registradas em março e abril
Ano     Março     Abril      Total
2019    50.181    40.866   91.047
2020    45.598   37.886   83.484

Fluxo na av. Luis Viana Filho (Paralela)
dia 11/03/2020 – 443.335 veículos passaram pela via
dia 25/03/2020 – 269.404 veículos passaram pela via

Fluxo na av. Mário Leal Ferreira (Bonocô)
dia 11/03/2020 – 147.255 veículos passaram pela via
dia 25/03/2020 – 76.693 veículos passaram pela via

 

 

Este site armazena cookies para coletar informações e melhorar sua experiência de navegação. Gerencie seus cookies ou consulte nossa política.