Publicado em 03/12/2020 às 12h13.

‘Não gastem dinheiro à toa, porque não será permitido’, diz Rui sobre Réveillon

O governador afirma que terá ação em conjunta com os municípios para que as festas sejam impedidas de acontecer

Bianca Andrade / Matheus Morais
Foto: Matheus Morais/bahia.ba
Foto: Matheus Morais/bahia.ba

 

As festas de fim de ano estão proibidas de acontecer na Bahia. O governador Rui Costa (PT) reforçou a decisão durante coletiva nesta quinta-feira (3) no Centro Administrativo da Bahia.

Segundo o petista, caso haja necessidade o Estado vai agir em conjunto com o município para impedir que os eventos aconteçam durante o período de fim de ano. “Não gastem o dinheiro de vocês a toa, porque não será permitido a realização da festa. Para impedir, o estado pode fazer isso sozinho, mas acho que o poder de caçar o alvará de funcionamento só o municipio, nós iremos acionar o municipio”

Rui afirma que já informou a Secretaria de Segurança Pública e o secretário da Saúde, Fábio Villas-Boas, sobre algumas festas que estavam marcada para acontecer na capital neste final de semana.

“Eu vi numa rede social uma festa no bairro de Itapuã sendo chamada para o dia 4, ou dia 5, passei a SPP e o secretário de Saúde, para que eles façam a notificação devida ao estabelecimetno e a polícia se posicione previamente no dia do evento”.

Este site armazena cookies para coletar informações e melhorar sua experiência de navegação. Gerencie seus cookies ou consulte nossa política.