Publicado em 02/12/2020 às 20h00.

Testes estocados em galpão do governo federal terão validade estendida

Quase 7 milhões de testes do tipo RT-PCR estão armazenados em Guarulhos (SP)

Redação
Foto: Raquel Portugal/Fiocruz Imagens
Foto: Raquel Portugal/Fiocruz Imagens

 

Os testes para o novo coronavírus que estão estocados em um galpão do governo federal terão a validade estendida, conforme anunciou o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, nesta quarta-feira (02), em audiência pública. De acordo com ele, era esperado que o prazo de validade dos kits fosse ampliado, porque o prazo de expiração era “emergencial”.

“A caixa do kit, quando chegou, à época foi feito registro inicial com a Anvisa, e a empresa dando uma validade pequena, emergencial, para iniciar o uso. Bem pequena, de 8 meses. Essa validade inicial seria e será renovada. Porque os componentes do teste todos têm validade muito mais estendida”, afirmou.

Conforme o jornal Estadão, 6,86 milhões de testes do tipo RT-PCR para diagnóstico da Covid-19 estão armazenados em Guarulhos (SP) com prazo de validade para dezembro deste ano e janeiro de 2021.