Publicado em 20/01/2021 às 09h21.

Vacinação de 1º lote da CoronaVac deve durar até sexta-feira (22), diz Bruno Reis

Prefeito de Salvador decidiu armazenar metade do lote para assegurar a segunda dose aos já vacinados, garantindo a eficácia da vacina

Matheus Morais / Rayllanna Lima
Foto: Matheus Morais/bahia.ba
Foto: Matheus Morais/bahia.ba

 

O primeiro lote com 42 mil doses da CoronaVac deve durar somente até sexta-feira (22) na capital baiana. Isso porque a Prefeitura de Salvador decidiu armazenar metade da remessa para assegurar a segunda dose aos já vacinados, garantindo a eficácia do imunizante.

Em coletiva à imprensa realizada no Hospital Martagão Gesteira, o prefeito Bruno Reis (DEM) disse que a distribuição das vacinas ocorre com efetividade. A expectativa é vacinar 5,3 mil pessoas somente nesta quarta-feira (20).

“Nesse momento, nós representamos 14% das 10 mil e poucas pessoas que foram vacinadas [no Brasil]. Nossa expectativa é até sexta-feira concluir a vacinação desse primeiro lote de 42 mil vacinas, onde vamos vacinar mais de 21 mil pessoas porque, dentro da estratégia que a Prefeitura adotou, sempre as remessas que chegarem vamos aplicar 50%, e os outros 50% reter para garantir a aplicação da segunda dose, que é a de reforço, que deve ocorrer 14 dias após a primeira vacinação. Com isso temos a eficácia da vacina”, afirmou.