Publicado em 21/01/2022 às 11h24.

Credores ameaçam ir à Justiça contra Plano de Recuperação da Evergrande

Gigante chinesa do setor imobiliário deve US$ 300 bilhões; detentores de títulos no exterior consideram proposta vaga

Redação
Foto: reprodução Rede Globo
Foto: reprodução Rede Globo

 

Um grupo de credores da gigante chinesa Evergrande ameaça ir à Justiça contra o plano de recuperação do grupo imobiliário. Detentores de títulos da empresa no exterior consideram a proposta vaga. Eles são representados pelo escritório de advocacia Kirkland & Ellis e pelo banco de investimentos Moelis & Co.

A “falta de engajamento e a opacidade da tomada de decisões da empresa até o momento são contrárias aos padrões internacionais bem estabelecidos em processos de reestruturação dessa magnitude”, escreveram os investidores em comunicado divulgado na quinta-feira (20).

A Evergrande deve no total em torno de US$ 300 bilhões e uma quebra do grupo traz estrago para toda a economia da China.

Os credores disseram estar “preparados para tomar todas as medidas necessárias para defender veementemente seus direitos legais e proteger seus interesses legítimos”.A incorporadora reúne US$ 19 bilhões em títulos offshore mantidos por gestores de ativos internacionais e bancos privados em nome de seus clientes.

Este site armazena cookies para coletar informações e melhorar sua experiência de navegação. Gerencie seus cookies ou consulte nossa política.