Publicado em 12/08/2019 às 14h13.

MPF entra com pedido de liminar contra indicação de Eduardo Bolsonaro a embaixada

Juíza federal Flávia de Macêdo Nolasco deu prazo de até 10 dias para que a União se manifeste

Redação
Foto: Agência Câmara
Foto: Agência Câmara

 

O Ministério Público Federal (MPF) entrou com um pedido de liminar para barrar a indicação de Eduardo Bolsonaro (PSL), filho do presidente Jair Bolsonaro (PSL), para a embaixada brasileira nos Estados Unidos.

A justificativa da ação civil é que o governo respeite critérios como reconhecido mérito em atividades diplomáticas, relevantes serviços diplomáticos prestados ao país e ao menos três anos de experiência neste sentido.

O MPF quer que a Justiça vete qualquer tipo de trâmite de nomeação de alguém que não cumprir estes requisitos. A ação do MPF não cita nepotismo na indicação.

A juíza federal Flávia de Macêdo Nolasco deu prazo de até 10 dias para que a União se manifeste antes de tomar uma decisão.

PUBLICIDADE