Publicado em 01/01/2016 às 12h40.

Estações de trem são reabertas, mas alerta permanece na Alemanha

A polícia evacuou duas estações de metrô e apelou à população para que evitasse grandes concentrações

Agência Estado

As estações de trem de Munique reabriram e os trens voltaram a funcionar no primeiro dia de novo ano, mas ainda há o alerta sobre ataques de extremistas do Estado Islâmico na cidade alemã. “A informação sobre um ataque terrorista iminente à meia-noite era muito concreta”, disse a porta-voz da polícia Elisabeth Matzinger, à Associated Press. “Mesmo que nada tenha acontecido, o nosso aviso de terrorismo permanece em vigor”, acrescentou.

Antes da virada de ano, a polícia de Munique esvaziou a principal estação ferroviária da cidade e outra estação no bairro de Pasing. As autoridades pediram também que as pessoas evitassem multidões.

Numa entrevista coletiva na sexta-feira, o ministro do Interior da Baviera, Joachim Herrmann, disse que um serviço de inteligência estrangeiro aliado alertou a Alemanha sobre um ataque iminente à meia-noite. O grupo de agressores seria composto de cinco a sete militantes da Síria e do Iraque que pertencem ao Estado Islâmico e planejavam se explodir em locais em Munique, incluindo as duas estações de trem.

As autoridades estavam em intenso trabalho de investigação na sexta-feira, disse Herrmann, mas até agora não ocorreu nenhuma prisão. Ele disse que recebeu dados pessoais de alguns dos terroristas, mas as autoridades ainda estavam em processo de investigação e verificação das informações. Ele não quis dar mais detalhes sobre os suspeitos.

Herrmann pediu cautela aos residentes de Munique, mas ao mesmo tempo para não deixassem o aviso interferir com suas vidas normais.

Mais de 500 policiais e autoridades de unidades especiais de toda a região sul da Baviera foram chamados para Munique com o objetivo de ajudar a esvaziar e proteger as estações. Herrmann pediu compreensão aos residentes de Munique, pois a polícia teria de parar mais pessoas que o habitual em verificação de identidade.

O ministro do Interior da Alemanha, Thomas de Maizière, agradeceu todas as autoridades envolvidas pela ação “pensativa, atencioso e decisiva” em Munique na véspera do Ano Novo.

“A situação na Europa e na Alemanha continua séria no ano novo”, afirmou Maizière. “Nós conseguimos indicações (sobre um ataque planejado) ontem, que foram avaliados pelas autoridades bávaras de inteligência e policiais federais”, acrescentou

Maizière prometeu que no futuro as autoridades de segurança alemãs continuarão a analisar a situação cuidadosamente e agir em conformidade. Apesar das advertências da polícia para ficar longe de grandes multidões, milhares de pessoas estavam nas ruas de Munique à meia-noite para saudar o ano novo com fogos de artifício.

PUBLICIDADE