Publicado em 18/06/2024 às 14h39.

‘Movimentação interna’, diz Jerônimo sobre demissão de policiais

Governador aponta que medida é comum e tem objetivo de não atrapalhar trabalho da corporação

André Souza / Fredie Ribeiro / Reinaldo Oliveira
Foto: Jorge Jesus/bahia.ba

 

Em entrevista à imprensa após reunião com representantes da Companhia Aérea Air France na manhã desta terça-feira (18), o governador Jerônimo Rodrigues (PT), afirmou que as demissões de policiais em sua gestão, é uma medida administrativa de movimentação interna para não atrapalhar o trabalho da segurança pública no estado.

“Sobre as demissões, é movimentação interna, é regra da polícia não deixar que um comandante ou até mesmo um delegado fique muito tempo em uma posição. É mais uma regra de convivência não deixar que um profissional como um comandante de um setor, seja de delegacia ou de comando de pelotão, fique muito tempo porque aquilo cria, segundo a boa convivência da polícia, cria relações e acaba atrapalhando no perfil da autonomia de um policial. Isso é regra, constantemente acontece isso, assim também como acontece com os presídios, a rotatividade para que a oxigenação possa acontecer”, declara Rodrigues.

Mais notícias

Este site armazena cookies para coletar informações e melhorar sua experiência de navegação. Gerencie seus cookies ou consulte nossa política.