Publicado em 14/09/2021 às 17h31.

Bahia ainda não tem previsão de quando receberá novas doses da vacina Astrazeneca

Fiocruz anunciou retorno do envio do imunizante nesta terça-feira (14), após ficar suspenso por duas semanas; ao bahia.ba, Sesab informou que o Ministério da Saúde ainda não informou uma data

Leilane Teixeira
Foto: Tânia Rego/Agência Brasil
Foto: Tânia Rego/Agência Brasil

 

Apesar de a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) anunciar, nesta terça-feira (14), o retorno do envio da vacina Astrazeneca, que ficou com a produção suspensa devido a demora de chegada do Insumo Farmacêutico Ativo (IFA), a Bahia ainda não tem previsão de quando receberá doses do imunizante.

Ao bahia.ba, a Secretaria de Saúde do Estado (Sesab) informou que o Ministério da Saúde ainda não deu uma data de envio para o estado. Das 1,7 milhões de doses distribuídas nesta terça pela Fiocruz ao Programa Nacional de Imunização (PNI), uma remessa com 50 mil doses foi diretamente para o estado do Rio de Janeiro e outra designada ao Ministério da Saúde, para distribuição aos demais estados.

Questionada sobre uma possível falta de vacina com o atraso das entregas, a Sesab informou que não há uma informação exata do estoque disponível no estado, mas informou que “até o momento não há risco de falta do imunizante para aplicação da segunda dose”.

O último lote do imunizante da Atrazeneca que a Bahia recebeu foi em no dia 02 de agosto, quando desembarcou no aeroporto de Salvador uma carga com cerca de 71 mil doses.

 



Este site armazena cookies para coletar informações e melhorar sua experiência de navegação. Gerencie seus cookies ou consulte nossa política.