Publicado em 17/07/2019 às 12h06.

Tucano rebate ACM Neto e sugere que Executivo não utilize carros oficiais

Sem citar nomes, prefeito cobrou que vereadores contrários à isenção de ISS para empresas de ônibus abram mão de privilégio

Rodrigo Aguiar
cezar leite foto tiago cruz bahiaba
Foto: Tiago Cruz / bahia.ba

 

Após declarar sua “independência” em relação ao prefeito ACM Neto (DEM) em abril e votar contra algumas propostas do Executivo na Câmara de Salvador, o vereador Cezar Leite (PSDB) rebateu o democrata, em publicação no Twitter.

Na última semana, durante evento no Bairro da Paz, o gestor municipal cobrou, sem citar nomes, que vereadores contrários à isenção de ISS para empresas de ônibus abram mão de privilégios relativos ao cargo.

O projeto tramita na Câmara e, caso não seja aprovado, implicará no aumento de 12 centavos da tarifa de ônibus, segundo a prefeitura.

“A grande maioria da nossa população anda de ônibus. Eu fico me perguntando: o que pode fazer um vereador ficar contra um projeto que garante que a passagem não vai aumentar e ônibus com ar-condicionado? […] Sem querer provocar, mas não posso deixar de falar. O vereador que está lá discusando contra o projeto anda de carro com motorista e ar-condicionado. Não é justo que o vereador ande de carro com motorista a ar-condicionado e o povo pobre tenha que andar no ônibus velho e calorento. Qualquer vereador que queira votar contra o projeto tem que ir ao presidente da Câmara, entregar o carro, devolver o motorista e começar a andar de ônibus. Ou vamos parar de hipocrisia, de pirraça, e pensar no povo”, afirmou Neto, na ocasião.

Em reposta, Cezar escreveu nesta quarta-feira (17), no Twitter: “Se o critério para votar a favor ou contra a isenção do ISS para as 3 empresas de transporte urbano for devolver carro oficial da câmara, estou tranquilo. Não uso carro oficial, devolvi há muito tempo. Sugiro o mesmo para o executivo. Que tal Uber Gov?”.

Em entrevista ao bahia.ba, o vereador disse que a declaração do prefeito “não tem sentido”. “A gente vota de acordo com o que cada um acredita”, acrescentou.

WhatsApp Image 2019-07-17 at 11.19.30
Foto: Reprodução / Twitter

 

O tucano ainda reiterou a publicação. “Se o critério for esse, eu estou tranquilo. Sugiro que o Executivo faça igual ao governo federal, que hoje utiliza Uber, o que reduz bastante os gastos com transporte”, declarou.

Apesar da crítica, o vereador afirmou que votará a favor do projeto, por ser favorável à redução de impostos. Para o tucano, a medida deveria, porém, ser estendida a outros grupos, principalmente pequenos e médios empresários.

Para exemplificar, Cezar criticou ainda a cobrança de taxa de publicidade dentro de shoppings, que entende como “indevida”.

PUBLICIDADE